Juti e Caarapó-Motorista mente sobre carga e DOF apreende 420 mil pacotes de cigarro

Um caminhão com 42 mil pacotes de cigarros foi apreendido pelos policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), na BR-163,  entre Juti e Caarapó. Para despistar a polícia, o condutor, de 33 anos, mentiu dizendo que carregava bolachas no baú do veículo.

Segundo o DOF, em abordagem, o motorista disse que transportava bolachas e que o baú não poderia ser aberto, pois estava lacrado. As notas fiscais apresentadas por ele tiveram o código negado após checagem na Receita Estadual. Ao olhar o baú do caminhão, a polícia encontrou um carregamento de 840 caixas com pacotes de cigarros contrabandeados do Paraguai. No total 420 mil carteiras do tabaco, que não tinham documento fiscal, foram apreendidas.

Em depoimento, o homem, que já tem passagem por contrabando, confessou que foi contratado para transportar a carga de cigarros da cidade de Iguatemi até o estado de São Paulo. Em buscas dentro do veículo, os policiais encontraram R$ 9 mil em espécie, um rádio comunicador escondido e sinais de adulteração na numeração de identificação do motor do veículo.

A ocorrência foi registrada e entregue na Delegacia da Polícia Federal de Dourados.

APREENSÃO DE PNEUS

O DOF também apreendeu um veículo Fiat Palio branco, com placas de Campo Grande, carregado com 20 pneus novos e 5 volumes de toalhas, na região de Ponta Porã. A mercadoria foi adquirida no Paraguai e o condutor, de 28 anos, não portava a nota fiscal.

O homem disse aos policiais que revenderia os pneus e as toalhas em Campo Grande. A ocorrência foi registrada e entregue na Receita Federal de Ponta Porã.