Câmara encerra sessão ordinária com votação de projetos

Com a presença do pastor assembléiano Pedro Santana, para bênçãos na última sessão legislativa da Câmara de Mundo Novo, na segunda-feira 11/12, os vereadores foram unanimes em enfatizar a união de todos da Casa em prol ao município.

O presidente Gildo Amaral, por sua vez disse dos três grupos, oposição, situação e independente, que atuaram em prol o interesse da comunidade, fiscalizando os órgãos municipais e aprovando em prol a todos.

Na sessão ordinária, foram aprovados na Casa de Leis; a LDO para 2018, com previsão de arrecadação em R$ 71 milhões,   com modificação do texto original em uma emenda do Executivo que deverá  solicitar permissão ao  Legislativo em alteração do que foi aprovado na previsão orçamentária; Emenda modificativa em  até 5% de suplementação  no orçamento de 2018; Por unanimidade os vereadores votaram para sanção do prefeito a doação de terreno para Rede Feminina de Combate ao Câncer, com emenda modificativa de um ano para três anos, (tempo para construção da Sede); Apreciado e aprovado para ser cedido ao município  e ser autorizado para  habitação popular ( terreno local que onde acontece os rodeios), financiado pela Caixa;  Regulamentação da Política de Saneamento Básico ao Município, adequando a Lei Federal que exige para participar de projetos federais; Aprovado pelos vereadores em ser publico o acesso  em propriedades rurais, por uma estrada que esta em localidade privada, complacente  pelo proprietário(a).

-Foi reprovado o projeto de regime urgência para extinguir trecho de vias publicas para desafetação e cadência em anexo construção da sede social do Clube Espora de Ouro.