MUNDO NOVO - MS
19/05/2024
Mais

    Governo deve reajustar preço da gasolina em 7% na próxima semana

    Mais Lidas

    A gasolina deve ficar em torno de 7% mais cara nos postos de combustíveis, segundo reportagem do jornal “O Estado de São Paulo”, publicada hoje (16). O reajuste irá se estender ao óleo diesel, que vai subir de 4% e 5%. A expectativa é a de que o anúncio seja feito pelo governo federal na semana que vem. O Sinpetro / MS (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo e Lubrificantes) acredita que o reajuste não será sentido de imediato pelo consumidor, pois a equipe econômica do governo estuda medidas para amenizar esse impacto e evitar uma piora nos índices de inflação do ano.

    Entre as medidas que poderão ser adotadas nos próximos meses há o aumento da mistura de álcool anidro (etanol) na gasolina, dos atuais 20% para 25%. “Juntamente com o reajuste, deve ser anunciada a elevação do teto da mistura do etanol à gasolina”, afirmou o consultor técnico do Sinpetro, Edson Lazaroto.

    Lazaroto ressaltou ainda que o aumento da mistura pode, no futuro, representar um desconto no preço da gasolina. “Além disso, a medida alivia a necessidade de importação de gasolina, que tem contribuído para o déficit da balança comercial”.

    A decisão de conceder o reajuste já está tomada no Ministério da Fazenda, mas o ministro Guido Mantega, que também é o presidente do Conselho de Administração da Petrobras, só vai bater o martelo sobre o aumento e a fórmula que será adotada para amenizar esse repasse ao consumidor quando voltar das férias, na semana que vem.

    De acordo com Lazaroto, o governo sinalizou que o aumento pode vir em fevereiro ou parcelado em fevereiro e agosto. Mesmo que o reajuste seja autorizado, não é possível definir quando o consumidor sentirá o peso do aumento no bolso. “O comércio é livre, portanto, cada empresa tem autonomia para fazer seu preço”, pondera.

    Texto: Midiamax.com
    Foto: Cleber Gellio

     

    Mais Notícias

    spot_img

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Últimas Notícias