Bandidos violam túmulo e retiram partes do corpo de idoso enterrado na fronteira

Cuidadores do cemitério central da cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero, na fronteira com Ponta Porã, encontraram um túmulo violado por volta das 7h30 desta quinta-feira (18). Os bandidos levaram a cabeça e o braço direito de um cadáver que foi enterrado no dia anterior.

Segundo o site Porã News, o túmulo furtado pertencia a um brasileiro identificado como Júlio Cardoso, de 72 anos. Ele morreu em 16 de maio, às 11h40, por insuficiência renal aguda. Este seria o primeiro caso de túmulo profanado naquela região da fronteira, segundo os agentes da Polícia Técnica.

As evidências apontam que os autores estariam em uma motocicleta. Os investigadores trabalham com a possibilidade de vingança contra a família ou possível ritual de bruxaria, mas nenhuma hipótese foi descartada. Casos semelhantes estão sendo apurados em outras cidades e até mesmo uma rede de compra de ossos está em estudo. (Top Mídia News)