Valdomiro Sobrinho

O radialista Waldomiro Sobrinho está viajando pelas ondas sonoras do rádio há 32 anos, percorrendo o oeste do Paraná pelas rádios Fronteira D’oeste- AM (Terra Roxa), Guaíra- AM e Difusora Siriema FM (Guaíra), Sul de Mato Grosso do Sul Independência AM (Eldorado), Pantanal FM (Mundo Novo) Eldorado do Paraná em São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba, TV CNT/Gazeta de Curitiba, com humor inenarrável.

Atualmente na Pantanal FM de Mundo Novo faz tarefa diária das 12:00 ás 14:30 horas com o programa “A Cara do Brasil”, misturando Opinião, informações, esporte, agenda, notícias sobre economia, policial, cultural e política em tom, ora agradável, ora desagradável pelo aumento na voz quase ensurdecedora, numa demonstração clara contra o sistema empregado pelos governantes. Entretanto, aos sábados em horário especial das 10 ás 13 horas, é que se acentua o seu conhecimento em questões amplamente diversificadas. Bate e assopra ao mesmo tempo, chama a atenção de políticos e autoridades com veemência absoluta causando frisson aos ouvintes e especialmente aos atingidos pelos reclames.

Em suas entrevistas com a segurança pública, autoridades constituídas, e população em geral transforma o questionamento sério em uma simples brincadeira num piscar de olhos. Vale ressaltar também os componentes do programa quase que todos, alunos da APAE, que mesmo tendo qualquer tipo de deficiência, ali se torna um artista do rádio e que vai se desenvolvendo a cada novo programa e caindo definitivamente no gosto do grande público.

Indiscutivelmente uma referência no rádio atual com cobertura em dezenas de municípios de Guaíra a Cascavel, de Cruzeiro D’oeste a Francisco Alves no PR, como também de Mundo Novo a Dourados no MS, e de Salto Del Guairá a San Alberto no Paraguai.

Outro detalhe imprescindível em suas atuações são as ajudas sociais realizadas pelo programa que sempre conta com uma mão amiga da população, indo do mais simples ao mais sofisticado.

Citado no livro do apresentador Carlos Massa o “Ratinho” que fez questão de frisar que o Waldomiro foi mais que um amigo, cuidando de seus dentes na adolescência, lhe arrumando emprego e lhe incluindo socialmente ao fazer uma carteira de sócio de um clube em Jandaia do Sul como seu irmão adotivo.

Em recente encontro em Jandaia do Sul, Ratinho fez questão de apresentar Waldomiro à sua equipe de trabalho do SBT fazendo um documentário sobre parte de sua vida de infância e adolescente.

Assim é a vida do radialista Waldomiro, querido de todos e uma voz ativa no rádio, sempre em favor dos menos favorecidos e sobretudo, com atuação decisiva pela nobres causas de Mundo Novo e das cidades do Cone Sul.

10260421_459416457523122_391327683_o 10175911_459416324189802_1445105950_o