violencia-domestica-metrpopolitana-dfUm jovem de 21 anos de idade foi preso na madrugada de quinta-feira (19), por uma equipe do Terceiro Pelotão da Polícia Militar de Mundo Novo, após ter agredido sua ex-companheira de 18, que está grávida de um mês.

Ambos moram em Mundo Novo e trabalham em um abatedouro de frango no Paraná, usando coletivos fretados pela empresa para chegarem até o local do serviço. Quando encerraram o turno, por volta das duas horas da madrugada, momentos antes do embarque no ônibus, ele a agrediu de forma violenta, desferindo chutes em sua barriga, socos na boca e ainda lha aplicou uma “gravata” (espécie de estrangulamento), sendo ele contido pelos colegas de serviço.

Quando chegaram a Mundo Novo, após uma viagem com duração um pouco superior à uma hora, feita em ônibus diferente, a vítima desembarcou em frente ao Pelotão da Polícia Militar e denunciou o fato aos policiais, que de imediato saíram em busca do autor, que ainda estava no interior do  outro coletivo. Ele foi capturado e entregue na Delegacia de Polícia, sendo que após a lavratura do flagrante pela prática de violência domestica devido à lesão corporal, foi encaminhado à cadeia pública local, onde permanece à disposição da Justiça.