A sociedade naviraense representada pelo Conselho da Cidade se reuniu na noite desta segunda-feira (28/11) no Auditório da Associação Comercial Empresarial de Naviraí – ACEN- para debater assinatura contratual de 30 anos com o município e a Sanesul-, o que está sendo proposto pela empresa de saneamento básico nos longos anos de exploração no município, e a realização da 2ª Audiência Pública, com previsão para o dia 13 de dezembro.

De acordo com engenheiro- elétrico João Ricardo Somensi que é integrante do Conselho da Cidade, contribui na relatoria para desencadear o melhor caminho de interação com a contratada e município, “a reunião foi propicia para filtrar as perguntas e sugestões para encaminhar ao Executivo e preparatória para 2ª Audiência Pública”, disse.

Representantes da Sanesul, a Convite do Conselho estiveram participando da reunião para apresentação da finalidade da Empresa de Saneamento Básico de Mato Grosso do Sul, contribuindo para as temáticas que serão apresentadas ao público na próxima Audiência.

A presidente do Conselho, Ana Rocha, ressaltou da clareza que está sendo almejado no contrato que poderá alterar para melhor ou não, no futuro, principalmente das próximas gerações.

“A importância dos cidadãos participarem é a melhor resposta da seriedade que se busca e comprometimento para melhor qualidade de vida”,disse.
Na plenária foi mencionado o reajuste na cobrança pelo fornecimento de água e o esgoto sanitário para 100% na cidade e exigência para abertura de loteamentos, seguindo as normativas propostas.