Um vendedor ambulante que se encontrava desaparecido foi encontrado morto nesta sexta-feira (3), em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia na divisa com Ponta Porã, no Brasil. O corpo dele estava abandonado em meio a plantação de soja nas proximidades de uma colônia.

De acordo com o Porã News, ele foi identificado como Guilherme Valério Duré, 51, conhecido como “Guila”, vendedor ambulante que se encontrava desaparecido a três dias.

Ele apresentava sinais de tortura e um disparo de arma de fogo do calibre 22 na altura da cabeça e um corte possivelmente de faca no rosto, além de ter uma corda de cor verde enrolado no pescoço, o que segundo os agentes da Divisão de Homicídios, indicaria que teria sofrido enforcamento ou foi puxado pelo veiculo que o transportou ate o local da execução.

O irmão da vitima realizou o reconhecimento do mesmo no IML da cidade de Pedro Juan Caballero, já que a vitima no momento em que foi encontrado não possuía nenhum documento de identificação.

A execução violenta do vendedor ambulante poderia ser um ajuste de contas do submundo do crime organizado que teria sequestrado a vitima na fronteira e posteriormente após o executar, abandonou o corpo no meio da plantação de soja no Paraguai.

DouradosNews