O jornalista Jairo de Lima Alves, esteve nesta segunda-feira(31) na Câmara de Vereadores de Eldorado  para entrevistar o presidente do Legislativo, Anderson Freitas da Silva, popularmente conhecido por Nenny e na oportunidade o chefe do Executivo, Aguinaldo Dos Santos-  Léo, participou da rodada de perguntas. O prefeito eldoradense, antes do comando do município, exerceu atividade de vereador por 16 anos.

Às terças-feiras acontecem as sessões ordinárias a partir das 19h, sendo prioridade do prefeito às segundas-feiras, realizar reuniões com os vereadores para tratar de assuntos que vem ao encontro do anseio da comunidade, com finalidade de impulsionar o desenvolvimento do município com argumentos consolidados.

Para o mandatário municipal do PEN, o diálogo com os edis é um gesto importante para debater os projetos do Executivo em prol a comunidade, e realçar os trabalhos desencadeados por cada representante da população, independente de bandeira partidária.

Pela experiência de anos no legislando o ex-vereador revelou dos entraves evidenciados pela falta de harmonia dos eletivos nas gestões passadas.

O presidente da Câmara que é filiado ao PDT, destacou que a parceria dos poderes tem sido importante para contribuir com resultados satisfatórios, graças à união que se pensa – Eldorado!

ENTREVISTA

Jairo- Seja de carro, bicicleta ou a pé continua a mesma pessoa –  prefeito; enquanto alguns mandatários se afastam de questões adversas, o seu agir é diferente com a proximidade da população e de vereadores, provocando além de elogios as críticas…

Léo- As diferenças com a responsabilidade podem resultar em resultados em prol a nossa gente.

Gerenciamos  independente de situação ou oposição, com objetivo único que  todos  possam ser em prol a Eldorado; mesmo com os que optaram pelas críticas, na qual eu  classifico como fundamental para que possamos errar menos.

Jairo- A Câmara na sua totalidade está atuante…

Léo- Cada vereador cumprindo a sua missão com competência, na saúde, na educação, na obras e outros setores;  fiscalizando e cuidando com carinho o bem público;  com livre acesso autorizado para apontar o certo e errado.

São escolhidos pela população e merecem ser reconhecidos pelas realizações de suas tarefas.

Jairo- Fazem a diferença de fato…

Léo- Este parlamento é atuante e comprometido com nossa gente.

Jairo- Do Legislativo para o Executivo é igual no procedimento…

Léo- No mínimo uma reunião mensal com os chefes de setores para avalição das atividades, buscando ser melhor cada vez mais e corrigindo os supostos erros. Na valorização dos servidores para que possam promover o melhor atendimento ao público.

Jairo- Gestão transparente…

Léo- Nossa base em administrar esta dividida em três: na transparência, na competência e na honestidade-, elementos fundamentais para o progresso do município.

Jairo- Todos recebem a mesma atenção…

Léo- São todos importantes, independente de quem é que seja-; inserimos na nossa agenda com respostas coerentes e responsáveis-, sendo ou não possíveis, podendo as pessoas entender e automaticamente apoiadoras ao modelo de administrar.

‘Nos postos de saúde, pedi para que o número do meu celular pudesse está à disposição da nossa gente, principalmente aos que  por aventura for constrangidas para resolver quais quer eventualidade ou transtorno.

 

Jairo- Vereador Nenny está aprovado o perfil de administrar o Município…

Nenny- Enquanto nos vereadores e toda população em assuntos individuais, contamos com o mesmo atendimento, que na avaliação é positivo.

Jairo- Ao  coletivo há respostas de setores municipais…

Nenny- Quando chega até nós uma situação de competência do Executivo-, encaminhamos e o retorno é imediato.

O prefeito é sucinto nos seus argumentos ressaltando que a prefeitura estando  bem, tudo se aperfeiçoa para o bem de todos.

A entrevista pode ser conferida na integra através do STC pela rede social em  www.facebook.com/radiotribunadopovo , com outros destaques  para geração de empregos em  breve na  unidade da Frango Bello com 40 empregos atualmente e ampliação para 150 e reabertura da ABS com 80. Empenho de políticos e autoridades estaduais na contribuição da viabilidade de recursos ao município  e outros.