Foto divulgação
Foto divulgação
Foto divulgação

Mais de 500 trabalhadores da indústria de álcool e de açúcar e os do setor agrícola da Infinity Bio Energy, paralisaram as atividades e uma boa parte deles está desde a manhã de hoje, em frente a usina de Naviraí, na margem da rodovia BR-163, margem do rio Amambai (divisa com Itaquiraí).
Os trabalhadores estão protestando contra o atraso de pagamento, uma prática que vem se repetindo mensalmente, desde o início do ano. Eles dizem que só voltam ao trabalho quando o pagamento for regularizado.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Álcool e do Açúcar de Naviraí, Altair Custódio, declarou que há muitos casos de trabalhadores que reclamam irregularidades tais como falta de pagamento do vale alimentação (a maioria tem o cartão, mas falta o repasse de dinheiro para a empresa operadora), quitação do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço, entre outros itens.

A Central Única dos Trabalhadores (CUT – MS) enviou um observador para Naviraí. E a central sindical está recomendando ao Sindicato para que seja pedida a intervenção do Ministério Público do Trabalho (MPT).

Fonte: Portal do Cone Sul