Suspeito estava usando roupa semelhante a uniforme de vigia

Estudante de 21 anos foi estuprada por motociclista ao sair para colocar lixo na rua no Jardim Montevidéu, região norte de Campo Grande. O suspeito estava usando roupas semelhantes a um uniforme de vigia.

Segundo a vítima, por volta das 2 horas, ela saiu para colocar o lixo fora da casa quando parou um homem em uma moto Honda vermelha. O motociclista teria pedido informações.

De repente, durante a conversa, ele desceu da moto e colocou uma faca no pescoço da vítima, ainda segundo relato da moça. O motociclista perguntou se ela morava na casa e se tinha mais alguém na residência. Ao dizer que não, ele entrou com jovem e perguntou se ela tinha dinheiro.

A estudante foi amarrada na cama e ele colocou uma fronha em sua cabeça. A casa foi revirada em busca de dinheiro e, como não encontrou, o suspeito voltou, rasgou as as roupas da vítima e praticou o abuso sexual.

Ainda segundo a vítima, o motociclista ficou na casa por cerca de 1 hora e, ao fugir, levou o seu aparelho celular e um DVD. A estudante, ao perceber que ele tinha ido embora, começou a gritar e foi socorrida por uma vizinha que acionou a polícia.

Policiais do 9° BPM (Batalhão da Polícia Militar) da Vila Margarida estiveram no local e a encaminharam para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Bairro Nova Bahia. A polícia fez rondas na região, mas o suspeito não foi localizado.

O caso foi encaminhado para a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), que vai investigar o fato.