11/12/2023
Mais

    Assassino de mototaxista é agredido pelo filho da vítima durante audiência

    Midiamax


    Na noite de terça-feira (6), Lucas Mateus Oliveira Lopes, de 20 anos, foi agredido durante audiência em Sonora, cidade localizada a 351 quilômetros de Campo Grande. Lucas foi preso em julho pelo homicídio de Pedro Laurentino de Souza, de 54 anos, após pegar uma corrida com o mototaxista e se desentender por não ter dinheiro para pagar.

    Conforme o boletim de ocorrência, os policiais militares escoltavam Lucas após ele prestar depoimento, quando o rapaz de 22 anos, que seria filho de Pedro, agrediu o réu com um soco no rosto. Ele só parou com as agressões após ser segurado pelos policiais e acabou autuado por vias de fato.

    Relembre o caso

    O mototaxista estava desaparecido desde a tarde do dia 12 de julho. Ele sumiu após receber uma ligação para realizar uma corrida até a Fazenda São Pedro. A família da vítima já havia realizado buscas pela fazenda, mas apenas os rastros da motocicleta dele foram encontrados.

    No momento em que era registrado o desaparecimento de Souza, um advogado entrou em contato com o Delegado informando que havia sido procurado pela mãe de um jovem, que contou que o filho dela havia cometido um crime e o mesmo gostaria de se apresentar.

    O advogado informou o local onde o corpo de Souza poderia estar, porém foram realizadas buscas e o mesmo só foi localizado após o autor se deslocar até a fazenda. O corpo foi encontrado de bruços e apresentava duas facadas na lateral direita da barriga, uma na lateral esquerda, uma no tórax e duas nas costas.

    Lucas contou aos policiais que pediu uma corrida ao mototaxista até a residência de seu tio, que fica na fazenda, que quando chegou ao local a vítima cobrou R$ 60, porém ele não tinha esse dinheiro. Ele entregou R$ 30 a vítima e pediu que ele pegasse o restante depois, porém Souza teria o ameaçado de morte e jogado o celular em sua direção, neste momento o jovem entrou na residência, pegou uma faca e desferiu os golpes na vítima.

    Após cometer o crime, o jovem subtraiu a carteira e a motocicleta da vítima e escondeu o corpo. Lucas informou que amarrou o corpo com uma corda e arrastou o mesmo até o local onde o desovou. Conforme informações policiais o corpo não apresentava sinais de que havia sido arrastado.

    Curta o Conesul

    Relacionados