Enquanto fumava do lado de fora do prédio, terra cedeu e servidor caiu no buraco

A-A+
Um túnel foi descoberto no cadeião da 15ª SDP de Cascavel. A notícia seria apenas mais uma entre tantas consequências da superlotação na cadeia, no entanto, a forma como o buraco foi descoberto chama a atenção.

O investigador da Polícia Civil saiu para fumar do lado de fora do prédio, próximo ao solário do cadeião, quando o chão cedeu e ele caiu no buraco. Apesar do susto, ele não se feriu.

A chuva contribuiu, pois a terra ficou molhada e mais solta. Do lado de fora, é visível um buraco de pelo menos dois metros. Há possibilidade que o buraco seja antigo.

Tradicionalmente aos sábados é realizado o dia de visitas no cadeião e, no término das visitações às 17h, a contagem dos presos será feita para apurar se algum detento fugiu.

Superlotação

Nos últimos dias, a quantia de presos do cadeião levados para a PEC (Penitenciária Estadual de Cascavel) ultrapassou os 200.

Com as transferências, o número de detentos caiu para 304, mas a cadeia ainda continua superlotada, pois a capacidade é para 134 presos.

Catve.com