Os municípios de Maracaju e Itaquiraí receberam recursos referente a uma parcela de convênios firmados com a Fundação Nacional de Saúde em Mato Grosso do Sul (Suest/MS) para investimento na área de saneamento ambiental.

Conforme o site Ponta Porã Informa, o valor repassado na terceira parcela ao município de Itaquiraí foi de R$ 731.041,47; verba que permitirá ao executivo conceder água de qualidade às comunidades rurais do assentamento do Complexo Santo Antonio, numa obra orçada em R$ 2.507.552,09.

O montante dará continuidade à obra, que encontra-se 70% executada. Serão realizados serviços preliminares como unidades de captação, rede de distribuição de 25 mil metros e 1.234 ligações domiciliares. Este convênio conta com a contrapartida da Prefeitura de Itaquiraí.

Em Maracaju, o valor de R$ 1.318.396,05 é referente à última parcela do convênio TC 171/2012 e contempla a ampliação do sistema de esgotamento sanitário, com um investimento do Governo Federal na ordem de R$ 7.854.500,19. Este convênio conta com a contrapartida do Estado de MS.

Com 39,52% dos serviços executados, a obra de Maracaju tem previsão de término para o primeiro semestre de 2018 e deve beneficiar cerca de 7 mil residências. É considerada uma das obras mais vultosas em termos de projeto e execução no Mato Grosso do Sul.