Na tarde da última Segunda-Feira (22), policiais civis de Mundo Novo prenderam um casal, suspeitos de serem os autores do homicídio que vitimou FERNANDO CARLOS BATISTA (42), no último dia 18.

Após trabalhos investigativos realizados durante todo o final de semana, os autores foram identificados, tendo o delegado de polícia responsável pelas investigações, representado pela prisão temporária dos mesmos. As prisões foram decretadas pelo Poder Judiciário.

Já na manhã de Segunda-Feira os policiais conseguiram dar cumprimento a um dos mandados, expedido contra uma mulher de 22 anos. Em um primeiro momento, seu companheiro, outro suspeito de participação no homicídio, não foi encontrado. As diligências seguiram e já na mesma tarde, os investigadores tomaram conhecimento de um sequestro relâmpago que vitimou uma mulher de 41 anos e seu filho de apenas 12 anos. Conforme apurado, o autor teria pulado o muro de uma residência no bairro Universitário de Mundo Novo e se utilizando de uma arma branca, exigiu que a vítima realizasse transferência bancária (PIX) para uma conta informada. O autor ainda permaneceu por cerca de 3 horas mantendo as vítimas reféns.

Na posse das características do sequestrador, os investigadores perceberam tratar-se do mesmo suspeito de praticar o homicídio no último dia 18. Por volta das 17h30m, os policiais conseguiram prender o suspeito de 28 anos, que ainda tinha em sua posse, aproximadamente 50 gramas de cocaína. Em entrevista, ele confessou a prática do sequestro e informou que teria adquirido a droga com o dinheiro do crime.

Em continuidade aos trabalhos investigativos, o traficante também foi identificado e realizada busca e apreensão em sua residência, local em que os investigadores localizaram mais de 2Kg de cocaína, maconha e uma arma de fogo. No local, ainda foi apreendida grande quantidade de dinheiro, sendo que parte dele, era oriundo do sequestro ocorrido na mesma data. Nesse sentido, o dinheiro foi apreendido e integralmente restituído a vítima.